As graduações em japonês


Como não podia deixar de ser, vamos ver outro assunto muito difundido, mas pouco pesquisado, ou seja, a transcrição dos nomes das graduações.

Esse é um assunto que parece ser de domínio público, mas se prestarmos um pouquinho de atenção iremos encontrar inúmeros "problemas" difundidos em publicações em geral e na Internet.

A primeira coisa que um autor de qualquer publicação, blog ou site deve ter em mente é a forma de escrever os números ORDINAIS e CARDINAIS japoneses.

Eis os conhecidíssimos números CARDINAIS japoneses:

一 ICHI - 1, um.
二 NI - 2, dois.
三 SAN - 3, três.
四 YON / SHI - 4, quatro.
五 GO - 5, cinco.
六 ROKU - 6, seis.
七 SHICHI / NANA -7, sete.
八 HACHI - 8, oito.
九 KYŪ / KU - 9, nove.
十 JŪ - 10, dez.

E agora os "complexos" e menos conhecidos números ORDINAIS japoneses:

第一 DAI ICHI - 1º, primeiro.
第二 DAI NI - 2º, segundo.
第三 DAI SAN - 3º, terceiro.
第四 DAI YON - 4º, quarto.
第五 DAI GO - 5º, quinto.
第六 DAI ROKU - 6º, sexto.
第七 DAI SHICHI -7º, sétimo.
第八 DAI HACHI - 8º, oitavo.
第九 DAI KYŪ - 9º, nono.
第十 DAI JŪ - 10º, décimo.

Sem ter necessidade de ser algum "Einstein", basta colocar 第, DAI, antes do número cardinal para transformá-lo em ordinal!

Agora vamos ver as graduações - Vamos partir de um princípio que uma determinada escola comece as suas graduações no 10º Kyū.

十級 JIKKYŪ - Kyū 10.
九級 KUKYŪ - Kyū 9.
八級 HAKKYŪ - Kyū 8.
七級 SHICHIKYŪ - Kyū 7.
六級 ROKKYŪ - Kyū 6.
五級 GOKYŪ - Kyū 5.
四級 YONKYŪ - Kyū 4.
三級 SANKYŪ - Kyū 3.
二級 NIKYŪ - Kyū 2.
一級 IKKYŪ - Kyū 1.

初段 SHODAN - Nível inicial.
弐段 NIDAN - Nível 2.
参段 SANDAN - Nível 3.
肆段 YONDAN - Nível 4.
伍段 GODAN - Nível 5.
陸段 ROKUDAN - Nível 6.
漆段 SHICHIDAN - Nível 7.
捌段 ROKUDAN - Nível 8.
玖段 KYŪDAN - Nível 9.
拾段 JŪDAN - Nível 10.

Alguém pode comentar: 

"Hei!! Faltou explicar o que significam KYŪ e DAN!!"

Ah! ...sim! Aqui está:

級 KYŪ - Grau, classe.
段 DAN - Nível.

Outras possíveis perguntas: 

"十級 JIKKYŪ - Kyū 10... Mas 10 não é Jū? Algo como Jū-kyū?!"

"八級 HAKKYŪ - Kyū 8... Mas 8 não é Hachi? Algo como Hachi-kyū?"

"六級 ROKKYŪ - Kyū 6... Mas 6 não é Roku? Não seria Roku-kyū?"

"一級 IKKYŪ - Kyū 1... Mas 1 não é Ichi? Não é Ichi-kyū?"

"Não basta apenas colocar o «Kyū» depois do número?"

Assim como o idioma português tem suas regras ortográficas, o idioma japonês não é exceção! Portanto, vamos fundamentar o que escrevemos com base nas regras da Fundação Japão:


CASO 1 - 十級 JIKKYŪ - Kyū 10.

Regra ortográfica: 4.1 - Quando JŪ (o número dez) for seguido de uma palavra que comece por "K", a palavra JŪ é substituida por "JI" e acrescenta "KK".

ジュウ+K→ジッK     Ju+K_→Jikk_

Consequentemente: Jū + Kyū = Jikkyū.

Não há voltas a dar! Isso é assim e não há argumentação possível.

---------------------------------

CASO 2 - 八級 HAKKYŪ - Kyū 8.

Regra ortográfica: 1.1 - Quando ICHI (o número um) for seguido de uma palavra que comece por "K", a palavra ICHI perde o "CHI" e acrescenta "KK".

イチ+K→イッK     Ichi+K_→Ikk_

Alguém mais afoito já deve estar a saltar cadeira acima: 

"Mas isso é a regra para o «número 1»!!!!!"

Calma, calma! A regra ainda não acabou:

◎ 同類の漢字。 Os caracteres Chineses que seguem a regra nº 1 são os seguintes:

八 HACHI - "8, oito, o número 8".

(...)

Ou seja, o HACHI perde o "CHI" e acrescenta "KK".

Consequentemente: Hachi + Kyū = Hakkyū.

Não há voltas a dar! Isso é assim e não há argumentação possível.

---------------------------------

CASO 3 - 六級 ROKKYŪ - Kyū 6.

Regra ortográfica:3.1 - Quando ROKU (o número seis) for seguido de uma palavra que comece por "K", a palavra ROKU perde o "KU" e acrescenta "KK".

ロク+K→ロッK     Roku+K_→Rokk_

Consequentemente: Roku + Kyū = Rokkyū.

Não há voltas a dar! Isso é assim e não há argumentação possível.

---------------------------------

CASO 4 - 一級 IKKYŪ - Kyū 1.

Regra ortográfica: 1.1 - Quando ICHI (o número um) for seguido de uma palavra que comece por "K", a palavra ICHI perde o "CHI" e acrescenta "KK".

イチ+K→イッK     Ichi+K_→Ikk_

Consequentemente: Ichi + Kyū = Ikkyū.

Não há voltas a dar! Isso é assim e não há argumentação possível.

---------------------------------

Colocado isto nestes termos... os BONS instrutores sabem o que devem fazer!

Espero que não restem dúvidas.

Osu!
Denis Andretta.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.